6 dicas para auxiliar os primeiros passos da criança

Sabemos que durante a maternidade os primeiros passos do bebê são bastante esperados pelos papais que, muitas vezes, se frustram com a demora do início do processo – ele inicia, normalmente, entre 8 a 10 meses de idade, mas pode ocorrer até os 18 meses de vida.

Brinquedos que estimulam

A ansiedade por esse momento é tão grande, que os pais compram andadores com o objetivo de estimulá-la a aprender os movimentos, o problema é que, na maioria das vezes, esses brinquedos acabam prejudicando o impulso, pela facilidade que eles trazem.  

Dessa forma, trouxemos 6 dicas para quem está presente nesse desenvolvimento:

 

1. Transmita segurança

 

De início, é importante que os pais transmitam confiança para as crianças. Atente-se, obviamente, aos locais mais perigosos, por exemplo, quinas de mesas ou degraus. Mas não tenha medo que seu bebê caia, faz parte do processo!

2. Demonstre os movimentos

É um fato que as crianças viram puros “papagaios” quando estão crescendo, porque os pais/familiares são seus maiores exemplos. Aproveite isso e faça movimentos de agachar e levantar, para que ela o imite e, aos poucos, entenda que aquilo vai fazer ela se levantar.

3. Empurre os pezinhos

Com o bebê deitado de barriga para cima, empurre suas mãos suavemente no pé da criança, para que ela faça força empurrando de volta. Essa brincadeira é maravilhosa para desenvolver a força dos músculos e fortalecer as articulações.

4. Deixe-as descalças

O contato com o solo estimula a sensibilidade dos pés, desenvolvendo a relação da criança com o corpo e suas sensações.

5. Crie desafios

Que tal criar brincadeiras? Procure desenvolver alguns desafios, colocando objetos mais longe ou em locais mais altos, para que ela possa se movimentar.

6. Tome cuidado

É uma fase perigosa, porque os bebês, que antes só conseguiam chegar a tal lugar engatinhando, agora podem andar por toda a casa. Uma opção, é limitar os locais onde ela pode estar, fechando portas ou colocando cercadinhos.

Essas foram algumas dicas para auxiliar os primeiros passos das crianças em sua fase de desenvolvimento. É importante que os pais e familiares tomem consciência que cada uma é um universo diferente, com tempos diferentes, e devem ser respeitados.

E você, o que fez para estimular o andar do bebê? Conta para gente!  

.

Caso haja dúvidas, procure um médico especialista.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *