​O ato da comunicação como fonte de aprendizado para os bebês

bbkits

 

Você já parou para pensar como fala com bebês? Costuma utilizar um tom de voz diferente do usual? Diversas brincadeiras são feitas nesse sentido, e a fofura ajuda na mudança do tom de voz, né? Mas o que surpreende são as pesquisas a respeito desse fenômeno, que ocorre no ato da comunicação.

Para um um bebê recém-nascido, o mundo funciona como uma sobrecarga de informações, diversas ondas de imagens e sons se misturam. Só com o tempo é que ele vai ganhando foco e aprende a reconhecer vozes e rostos familiares. Esse é um momento em que importantes conexões começam a ser formadas no cérebro. Por isso, há pesquisas na área, justamente, para entender com mais detalhes como isso acontece durante as interações entre mãe e bebê.

As primeiras descobertas neste assunto mostram que quando mãe e bebê estão em sintonia, a assimilação de informação é recebida de forma muito eficiente e influencia diretamente no aprendizado. Por isso, o modo como se fala com os bebês pode beneficiar seu desenvolvimento cerebral. É o que diz um dos estudos realizados acerca desse tema. Segundo Pesquisadores da Universidade de Cambridge, no Reino Unido, que conduzem uma pesquisa com bebês e suas mães para entender como funciona o desenvolvimento do cérebro das crianças, o aprendizado ocorre de forma mais efetiva quando as ondas cerebrais estão em sintonia com as dos pais. Mais do que isso, quando o ato da comunicação é feito por uma conversa com voz de criança, isso mesmo, ou músicas do universo infantil. Segundo pesquisadores, o contato visual também é muito importante e quando mantido por um período maior de tempo, os benefícios são maiores do que quando a mãe desvia o olhar, mesmo que ocasionalmente. A pesquisadora responsável, Victoria Leong, diz: “Embora pareça estranho para nós, os bebês realmente gostam de ouvir a mãe falando que nem criança. Isso mantém mais sua atenção e o discurso soa mais claro para eles. E já se sabe que quanto mais o bebê ouve a mãe, melhor será o desenvolvimento da linguagem”, afirma. “O cérebro do bebê está programado para responder à voz da mãe, e é por isso que este é um veículo tão eficaz para ensinar novas informações”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *