Vitaminas importantes na gravidez

Manter uma alimentação saudável durante a gestação é super importante para garantir que
o bebê se desenvolva de maneira saudável enquanto ainda está dentro da sua barriga. A
formação inicial de sua estrutura física e cerebral fará diferença no seu desenvolvimento a
longo prazo.

Pesquisas realizadas por cientistas europeus, em um grande projeto batizado de
Nutrimenthe , que estão sendo concluídas este ano, confirmam a importância de certos
nutrientes para a saúde da criança. Eles acompanharam centenas de famílias na Europa
para observar o desenvolvimento de seus filhos desde antes do nascimento até os 9 anos.
Os estudos concluíram que o ácido fólico (vitamina B9), recomendado pelos obstetras no
primeiro trimestre de gravidez, pode reduzir a chance de problemas comportamentais na
infância.
Para chegar a esse resultado, os cientistas do Centro Médico Erasmus, em Roterdã, na
Holanda, observaram 4 mil crianças de 18 meses. Eles perceberam que aquelas crianças
cujas mães não tomaram ácido fólico durante a gestação tiveram mais chances de
desenvolver um comportamento retraído, agressivo, depressivo ou ainda ter problemas de
atenção.

Outra pesquisa publicada na revista da Associação Médica Americana (JAMA) diz que o
consumo diário de ácido fólico pela mulher, antes de engravidar e nas primeiras semanas
de gestação, reduz em até 40% o risco de a criança apresentar autismo.
Para a cientista Cristina Campoy, uma das coordenadoras do projeto, “é importante tentar
manter uma boa alimentação durante a gravidez e na primeira infância, pois a nutrição
adequada pode ter um efeito positivo na performance mental, anos mais tarde”.

É possível garantir a maior parte dos nutrientes por meio de uma alimentação balanceada.
Segundo o obstetra Rubens Paulo Gonçalves Filho, do Hospital Israelita Albert Einstein
(SP), o único suplemento vitamínico que o médico seguramente vai receitar para quem
acabou de descobrir a gravidez ou está planejando engravidar é justamente o ácido fólico
devido a sua importância para a formação neural dos bebês. “Há evidências científicas de
que essa vitamina precisa ser reposta, mesmo que a mulher se alimente de maneira
adequada. Ela deve ser ingerida preferencialmente três meses antes de engravidar e até a
13ª semana de gestação”, explica o médico.
Rubens afirma que pesquisas recentes reforçaram a importância do consumo do óleo de
peixe, rico em ômega 3, para a inteligência da criança e da manutenção de níveis
adequados de vitamina D no organismo, o que diminuiria a probabilidade de o bebê nascer
com baixo peso. A suplementação desses dois nutrientes, no entanto, não é consenso entre
os obstetras. Em alguns casos, as gestantes são orientadas a tomar suplemento de ferro,
para evitar anemia no pós-parto.
O mais importante é ter um obstetra de confiança e fazer as consultas de pré-natal.
Também é papel do médico orientar a gestante sobre a dieta adequada, identificar
possíveis carências nutricionais e eventualmente indicar suplementos ou encaminhá-la para
um nutricionista. A grávida não deve tomar suplementos vitamínicos sem o aval do médico.

Vamos conhecer mais a função de cada vitamina?

VITAMINA A
Participa do desenvolvimento das células, coração, aparelho circulatório e digestivo do
bebê.
Onde encontrar: Óleos de peixe, gema de ovo, frutas vermelhas e amarelas, vegetais
amarelos, vermelhos e verde escuros.

COMPLEXO B
Essa família inclui as vitaminas B1, B2, B3, B6, B12 e o ácido fólico. Elas contribuem para a
formação de células novas. A vitamina B6 ajuda no desenvolvimento do sistema nervoso do
bebê e a B12 é importante para a produção de células vermelhas no sangue.Onde encontrar: Vegetais, grãos integrais, carne, peixe e leite.

VITAMINA C
Essa vitamina ajuda a produzir tecidos novos, portanto é fundamental para o
desenvolvimento do bebê. Além disso, ela ajuda o organismo a absorver o ferro dos
alimentos.
Onde encontrar: Frutas cítricas, papaia, vegetais verdes e batatas

VITAMINA D
É fundamental para a absorção do cálcio e para o desenvolvimento dos ossos e dentes do
bebê.
Onde encontrar: Peixes de carne gordurosa, como salmão, ovos, margarina e manteiga.
Mas lembre-se: tomar banho de sol nos braços e pernas por 15 minutos sem protetor é
fundamental para sintetizar essa vitamina.

VITAMINA E
É antioxidante que ajuda a defender as células.
Onde encontrar: Germe de trigo, gema de ovo, sementes, margarinas, nozes e vegetais
verdes.
Fonte: A Bíblia da Gravidez / Retirado da Revista Crescer.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *